sábado, 17 de agosto de 2019   inicía sessão ou registrar-te
 
Protestante Digital
 
Flecha
 
 
SIGA-NOS EN
  • Twitter
  • Facebook
 

Newsletter
Newsletter, recebe todas as notícias em tua bandeja de entrada
 
 
 
 

ENCUESTA
Encuesta cerrada. Número de votos: 0
VER MÁS ENCUESTAS
 



Perdem 20.000 libras diárias
 

A Catedral de São Paulo, cerrada por ter os indignados acampados

O emblemático templo anglicano de Londres fechou por primeira vez depois da II Guerra Mundial.
LONDRES 27 DE OUTUBRO DE 2011

Centenas de indignados acampam desde há dez dias nas portas da catedral que se encontra no coração da City, o distrito financeiro de Londres, como parte dos protestos globais em rejeição aos excessos do sistema capitalista.



A medida “sem precedentes em tempos de paz” se tomou por parte dos responsáveis da catedral depois de recebir a recomendação das autoridades locais que consideram quea entrada do edifício barroco está muito limitada e não cumpre com os requisitos de segurança e saúde básica, informa Efe.



Entre 2.000 e 3.000 manifestantes se instalaram ali depois de serem proibidos no sábado passado de congregar e acampar frente ao edifício da bolsa, como em um princípio estava previsto, já que se trata de terreno privado.



Conforme passaram os dias, a confluência de manifestantes foi reduzindo, mas de momento umas 300 tendas de campanha continuam na plaza de Paternoster, frente â porta principal do templo.



A catedral fechou suas portas nesta quinta-feira de maneira indefinida depois da celebração de um serviço religioso.



ESTUDAM MEDIDAS LEGAIS

O deán Graeme Knowles escreveu uma carta aberta aos manifestantes para pedir que abandonem a praça frente da catedral. Em um comunicado, explicou quea decisão do fechamento da igreja se tomou “com grande dor de coração, mas simplesmente não é possivel cumprir com nossas obrigações cotidianas com os fiéis, visitantes e peregrinos nas atuais circunstâncias”.



Os riscos de incêndio e sanitários que coloca o acampamento fazem impossível que a catedral permaneça legalmente aberta.



Segundo informa o guardião em sua web, funcionários da Catedral e o distríto da cidade em geral estão considerando tomar ações legais para obrigar aos manifestantes levantar acampamento.



Tanto Graeme Knowles como o chanceler, Giles Fraser, pediram publicamente aos ativistas para sair. Se estima que as perdas econômicas passam de 20.000 libras diárias, pela perda de visitantes a um dos monumentos emblemáticos da cidade.
 

 


0
COMENTÁRIOS

    Se queres comentar ou

 



 
 
ESTÁS EM: - - A Catedral de São Paulo, cerrada por ter os indignados acampados
 
 
 
 
RECOMENDAÇÕES
 

Protestante Digital é um diário online gratuito que se financía por meio da publicidade e patrocinadores. Para apoiar nosso trabalho e poder seguir desenvolvendo esta atividade de uma maneira aberta aos leitores, você pode fazer uma doação mediante PayPal ou fazendo uma transferência bancaria (com o assunto: Doação Protestante Digital).

ES85 21000853530200278394
 
PATROCINADORES
 

 
AEE
PROTESTANTE DIGITAL FORMA PARTE DA: Alianza Evangélica Española
MEMBRO DE: Evangelical European Alliance (EEA) y World Evangelical Alliance (WEA)
 

As opiniões vertidas por nossos colaboradores se realizam a nível pessoal, podendo coincidir ou não com a postura da direção de Protestante Digital.