segunda-feira, 26 de junho de 2017   inicía sessão ou registrar-te
 
Protestante Digital
 
Flecha
 
 
SIGA-NOS EN
  • Twitter
  • Facebook
 

Newsletter
Newsletter, recebe todas as notícias em tua bandeja de entrada
 
 
 
 

ENCUESTA
Encuesta cerrada. Número de votos: 0
VER MÁS ENCUESTAS
 



Conflito
 

Turquia decide expropiar templos cristãos

Os cristãos da cidade de Diyarbakir, envolvida em conflitos políticos e territoriais, poderiam perder seus lugares de culto.

01 DE ABRIL DE 2016 12:31 h
iglesia armenia diyarbakir Igreja Armenia Surp Giragos. / Nanore Barsoumian

O conflito que enfrenta na cidade turca de Diyarbakir às forças governamentais com combatentes curdos poderia ter como consequência a expropiação dos templos cristãos, segundo tem informado a imprensa governamental na última semana.



Diyarbakir tem sido o centro de lutas entre forças governamentais e combatentes curdos desde que teve um rompimiento do acordo de paz em junho de 2015. Durante a maior parte do tempo, os cristãos que pertencem às pequenas comunidades cristãs de armenios, asirios, caldeos e turcos não têm tido acesso a suas igrejas localizadas no centro da cidade.



Em 25 de março de 2016, a imprensa governamental oficial turca anunciou que 6.300 terrenos localizados no centro de Diyarbakir seriam expropiados pelo Ministério do Ambiente e Planejamento, incluindo as propriedades da Igreja Protestante, a Igreja Armenia Surp Giragos, a Igreja Caldea Surp Sarkis, a Igreja Católica Armenia e a Igreja Asiria da Virgen María. Isto ocorre como resultado de uma decisão tomada pelo conselho de ministros, dirigido pelo Presidente Erdogan o 21 de março de 2016.



O diretor de Fundações, Adnan Ertem, tem dito que as propriedades da igreja têm sido ex-propiadas para proteger os edifícios históricos, mas os cristãos em Diyarbakir  ficaram sem um lugar onde poder congregar-se e não se adotou nenhuma medida para retornar as propriedades às comunidades cristãs.



Ainda que muitas outras pessoas e propriedades serão afetadas pelo mesmo decreto governamental, o pastor da Igreja Protestante -aderida à Aliança Evangélica do país-, Ahmet Güvener, considera que isto é uma tentativa oficial de apoderar dos edifícios das igrejas, o qual “não deve ser permitido”, opina o pastor.


 

 


0
COMENTÁRIOS

    Se queres comentar ou

 



 
 
ESTÁS EM: - - Turquia decide expropiar templos cristãos
 
 
 
 
RECOMENDAÇÕES
 

Protestante Digital é um diário online gratuito que se financía por meio da publicidade e patrocinadores. Para apoiar nosso trabalho e poder seguir desenvolvendo esta atividade de uma maneira aberta aos leitores, você pode fazer uma doação mediante PayPal ou fazendo uma transferência bancaria (com o assunto: Doação Protestante Digital).

ES85 21000853530200278394
 
PATROCINADORES
 

 
AEE
PROTESTANTE DIGITAL FORMA PARTE DA: Alianza Evangélica Española
MEMBRO DE: Evangelical European Alliance (EEA) y World Evangelical Alliance (WEA)
 

As opiniões vertidas por nossos colaboradores se realizam a nível pessoal, podendo coincidir ou não com a postura da direção de Protestante Digital.