sexta-feira, 20 de outubro de 2017   inicía sessão ou registrar-te
 
Protestante Digital
 
Flecha
 
 
SIGA-NOS EN
  • Twitter
  • Facebook
 

Newsletter
Newsletter, recebe todas as notícias em tua bandeja de entrada
 
 
 
 

ENCUESTA
Encuesta cerrada. Número de votos: 0
VER MÁS ENCUESTAS
 



 

Refugiados em Iraque professam fé em Jesus

A missão Christian Aid explica que o depoimento de cristãos que atendem aos refugiados é chave na aproximação à fé em Jesus de muitos muçulmanos.

IRAQUE 05 DE NOVEMBRO DE 2015 18:23 h
Iraque, refugiados Campos de Refugiados da ONU em Iraque

À medida que aumenta o número de muçulmanos que fogem do Daesh (Estado Islâmico, EI) nos acampamentos das Nações Unidas (ONU), aumenta também a quantidade daqueles que decidem se converter ao cristianismo.



Segundo um relatório emitido por missionários que servem como voluntários nestes acampamentos, muitos muçulmanos refugiados sírios ou iraquianos se surpreendem pela forma como são tratados pelos voluntários cristãos, quem lhes compartilham o amor de Deus. O fato de ver uma prática totalmente diferente à dos líderes de sua religião impacta suas vidas.



Segundo indica um missionário de Christian Aid que prefere que seu nome se mantenha em segredo por razões de segurança, muitos refugiados "estão decepcionados do Islã. Têm fome de conhecer mais sobre Jesus sobretudo quando percebem misericordia, amor, milagres e previdências".



Muitos têm sido testemunhas de práticas brutais feitas perpretadas por yihadistas do EI e sua interpretação do Alcorão. Isto em muitos casos fomenta o que questionem se a fé que professam é a verdadeira.



"As terríveis ações realizadas por Estado Islâmico têm feito ver a muitos muçulmanos que o assassinato está contemplado e justificado no Alcorão e isto nos ajuda porque nós só contamos a verdade sobre o amor de Deus", assinala outro missionário.



Atualmente o número de refugiados em acampamentos da ONU na região curda de Iraque chega a 900 mil iraquianos e para perto de 200 mil sírios. Este é um dos palcos onde a agência missionária Christian Aid coopera nos labores de atenção oferecendo atenção personalizada, bem como presenteando artigos de primeira necessidade e instâncias da Biblia aos refugiados. Os missionários estão assombrados pois a cada dia são mais as pessoas que desejam conhecer mais sobre Jesus Cristo.



O diretor da missão nestes acampamentos tem assinalado: "Creio no poder da Palavra de Deus. Não temos muitos predicadores, mas temos a Palavra de Deus a qual podemos plotar, comprar e entregar às pessoas e seus filhos e isso tem sido suficiente".



Desde Christian Aid mencionam o caso de um muçulmano que quando se lhe ofereceu a Biblia assinalou que não a aceitava porque não podia se converter ao cristianismo já que tinha uma família muito grande e seu pai era um extremista radical.



O missionário contestou-lhe: "Não estou a tratar de te mudar sua religião. Só quero que leias a Biblia e saibas quem é Jesus Cristo. Só quero que tenhas uma relação com Deus".



Estas palavras convenceram ao muçulmano quem começou a ler a Biblia junto a sua família e aos poucos dias acercou-se ao missionário com uma série de perguntas que surgiram depois de sua leitura e entre elas queria saber a verdadeira identidade de Maomé, de quem sabia pouco.


 

 


0
COMENTÁRIOS

    Se queres comentar ou

 



 
 
ESTÁS EM: - - Refugiados em Iraque professam fé em Jesus
 
 
 
 
RECOMENDAÇÕES
 

Protestante Digital é um diário online gratuito que se financía por meio da publicidade e patrocinadores. Para apoiar nosso trabalho e poder seguir desenvolvendo esta atividade de uma maneira aberta aos leitores, você pode fazer uma doação mediante PayPal ou fazendo uma transferência bancaria (com o assunto: Doação Protestante Digital).

ES85 21000853530200278394
 
PATROCINADORES
 

 
AEE
PROTESTANTE DIGITAL FORMA PARTE DA: Alianza Evangélica Española
MEMBRO DE: Evangelical European Alliance (EEA) y World Evangelical Alliance (WEA)
 

As opiniões vertidas por nossos colaboradores se realizam a nível pessoal, podendo coincidir ou não com a postura da direção de Protestante Digital.