domingo, 25 de junho de 2017   inicía sessão ou registrar-te
 
Protestante Digital
 

 
 
SIGA-NOS EN
  • Twitter
  • Facebook
 

Newsletter
Newsletter, recebe todas as notícias em tua bandeja de entrada
 
 
 

ENCUESTA
Encuesta cerrada. Número de votos: 0
VER MÁS ENCUESTAS
 



 

TIRE O “S” DA CRISE: CRIE!

Os cordéis da morte me cercaram, e angústias do inferno se apoderaram de mim; encontrei aperto e tristeza. Salmos 116:3
ESPERANÇA AUTOR José Aldoir Taborda 08 DE JANEIRO DE 2012

Posso imaginar o tamanho da crise existencial pela qual passava o rei Davi. Suas palavras denotam um cansaço com a vida, o desespero por estar numa situação aparentemente sem saída.



A crise ocorre por uma mudança repentina no estado das coisas provocando tensão e perda do equilíbrio emocional, levando muitas pessoas ao desespero. Em geral ela é detonada por impactos emocionais sérios, como a perda do emprego, a morte de um familiar ou amigo muito querido ou perdas financeiras graves que exigem uma reformulação no padrão de vida.


Tenho encontrado muitas pessoas que viveram essa mesma situação experimentada pelo salmista, de impotência, de desorganização da vida, de busca penosa por uma solução que parece não existir.


A simples menção da palavra CRISE provoca uma sensação de pânico no indivíduo levando-o muitas vezes a desanimar da vida, mas a crise pode ser também um excelente momento para reflexão, para mudanças positivas, de saída para uma nova vida. Costumo dizer que a culpa da crise é o S. Portanto, tire o “S” da crise: Crie!


O profeta Jeremias estava enfrentando uma crise espiritual muito forte sentindo-se abandonado por Deus (Lamentações capitulo 3), sentindo sua alma envenenada pela tristeza e pela mágoa, mas então tomou uma decisão importante: “quero trazer à memória o que me pode dar esperança” (v.21). Ao tomar a iniciativa de lembrar as coisas boas do passado, ao afastar sua mente da desgraça presente, o profeta estava tirando o “S” da crise e criando uma nova situação. Em lugar de dar ênfase à mágoa, ele disse: “esperarei no Senhor”(v.24,25).


A postura do profeta é uma grande lição para nossa vida. Freqüentemente esquecemos tudo de bom que já nos aconteceu e mergulhamos no mar da depressão. Fazendo isso ficamos sem apoio, sem um lugar para nos firmarmos, como Pedro, que ao desviar os olhos de Jesus enquanto caminhava sobre as águas, começou a afundar. Mas ele gritou por socorro e foi ajudado na hora certa.


Certo dia, quando caminhava pela rua com um colega, ao observar a placa de “rua sem saída” ele comentou: - nesta rua Jesus não passou! -Perguntei por que e ele respondeu-me: “porque a placa diz rua sem saída, e onde Jesus passa, sempre fica uma saída”. Essa é uma consideração importante para as pessoas que se sentem abandonadas: Jesus sempre deixa uma saída!


Na Bíblia temos um exemplo interessante de solução de crise (2 Reis 7.3ss). Quatro leprosos estavam à entrada da porta de Samaria (não era permitido pela lei que leprosos convivessem com as demais pessoas), os quais disseram uns aos outros: “Para que estaremos nós aqui sentados até morrermos? Se entrarmos na cidade, lá há fome, e morreremos. Se ficarmos aqui sentados, também morreremos. Vamos pois, agora, ao arraial dos Siros; se nos deixarem viver, viveremos; se nos matarem, tão somente morreremos.


Faça você como eles. Tire o “S” da crise: crie! Para que morrer sem fazer nada? Eles reagiram e Deus agiu na hora. Entraram no meio do arraial do inimigo, o inimigo fugiu e eles tiveram alimentos, não apenas para si, mas para toda a cidade sitiada.


Se você está numa situação de aparente insolubilidade, se não vê uma saída, não desespere. A saída existe se você é capaz de confiar em Deus e tiver uma atitude pessoal de reação. O importante é tomar a decisão de mudança. Ou você prefere ficar sentado, inativo, até morrer e quem sabe matar os que estão ao seu redor?


Você pode dizer: mas eu não sou nada criativo. Não vejo alternativas para o meu problema. Mas saiba, sempre há uma alternativa. A palavra CRISE não deveria existir. Tem um “S” sobrando. Se você tem uma identificação pessoal com Jesus tudo pode mudar em sua vida. É preciso conversar com Ele, contar-lhe seu problema com toda a tranqüilidade e aguardar a solução de Deus. Algumas vezes a solução de nossos problemas está bem à frente e não a vemos porque nossos olhos estão embotados. Satanás cegou o entendimento dos homens. Ele era um anjo de luz e queria apagar a luz de Deus. Como não conseguiu, a bíblia diz que ele cegou o entendimento dos homens, para que estes não vejam a gloria de Deus. Não permita que satanás cegue você. Vá até Jesus e diga-lhe que precisa dele, que confia nele e que fará a Sua vontade.


Deixe-me dar-lhe algumas dicas importantes para ajudá-lo a vencer as agruras da vida:

• Jamais pense que seu caso não tem solução. Sempre há uma saída para quem confia em Deus. Leia Salmo 37.3-5.

• Não perca tempo se queixando da vida e das pessoas que te cercam. Essa atitude é deprimente porque fecha você dentro de si. A bíblia ensina que devemos levantar os nossos olhos e ver os campos, isto é, ver as possibilidades e a proximidade da solução (João 4.35).

• Não tenhas inveja do progresso dos malfeitores, pois o futuro deles é a ruina (Salmo 37.1,2). Saiba que o Senhor é bom, é fortaleza no dia da angustia e conhece os que nele se refugiam (Naum 1.7)

• Descubra onde estão os teus erros e conserte-os. João disse: “Filhinhos, estas coisas vos escrevo para que não pequeis, todavia, se alguém pecar, temos um advogado diante do Pai, Jesus Cristo o justo, e Ele é a propiciação pelos nossos pecados, e não somente pelos nossos, mas pelos do mundo inteiro (1João 2.1-2). Admitir que errou é coisa de heróis. No momento pode dar um pouco de vergonha, mas a libertação que promove valerá a pena, porque sempre podemos aprender com nossos erros.

• Por último, nunca penses que estás sozinho. Jesus disse: “Estou convosco todos os dias até a consumação dos séculos”.
Amigo leitor, a mensagem que estou tentando passar não é para você simplesmente desenvolver um pensamento positivo, mas de ter uma atitude positiva frente as agruras da vida, depositando toda sua confiança em Deus. Não se assuste quando a crise vier. Enfrente-a, pois é nas crises que podemos assumir novos e maiores desafios. Uma crise não é destrutiva se temos o ímpeto de construir.



Então CRIE. Se você colocar o “S” nesta palavra, a CRISE volta. Não permita que isso aconteça em sua vida. Descansa no Senhor e espera Nele, e Ele concederá o que deseja o teu coração.
 

 


0
COMENTÁRIOS

    Se queres comentar ou

 



 
 
ESTÁS EM: - - - TIRE O “S” DA CRISE: CRIE!
 
 
 
 
RECOMENDAÇÕES
 

Protestante Digital é um diário online gratuito que se financía por meio da publicidade e patrocinadores. Para apoiar nosso trabalho e poder seguir desenvolvendo esta atividade de uma maneira aberta aos leitores, você pode fazer uma doação mediante PayPal ou fazendo uma transferência bancaria (com o assunto: Doação Protestante Digital).

ES85 21000853530200278394
 
PATROCINADORES
 

 
AEE
PROTESTANTE DIGITAL FORMA PARTE DA: Alianza Evangélica Española
MEMBRO DE: Evangelical European Alliance (EEA) y World Evangelical Alliance (WEA)
 

As opiniões vertidas por nossos colaboradores se realizam a nível pessoal, podendo coincidir ou não com a postura da direção de Protestante Digital.